casa

Horta caseira

canto-para-ervas Ter ervas e temperos sempre à mão, disponíveis para aquela hora da noite em que dá vontade de fazer uma receita inesperada pode ser muito compensador. Até mesmo quem não tem muita familiaridade com a cozinha, pode se beneficiar com alguns vasinhos por perto. Basta pensar que a pimenteira pode virar uma condimentada conserva ou proteger a casa de “mau olhado”, o capim limão pode encenar um relaxante chá ou, combinado ao leite condensado, um delicioso brigadeiro verde, e o alecrim pode perfumar o peixe, o queijo, a massa... A dificuldade de ter uma horta em casa acaba quando você compra as primeiras mudas. Garanto: não há segredo no cultivo. Elas precisam basicamente de quatro horas diárias de sol e regas regulares. Para o plantio, pense que a muda deve ser colocada em um vaso com furo no fundo, que drena a água excedente. Você deve forrá-lo com uma camada de argila expandida, depois com a manta de poliéster e só então coloque a terra. Há muitas possibilidades para a organização de uma horta, desde os vasinhos que podem preencher o parapeito da janela da cozinha até as caixas de alvenaria que podem ocupar um dos lados do quintal. Tudo depende do espaço que você dispõe para plantas. A paisagista Paula Galbi (Tel. 11 3064-5306, São Paulo) aproveitou um cantinho do jardim e criou uma escadaria para os vasos de ervas, como mostra a foto. Os degraus de dormentes estão desencontrados para criar novos patamares. Uma ideia bacana, que não precisa de muito espaço para ser executada. Boa semana para vocês.